Uma mountain bike só para mulheres

753


ROUBION: Uma bike nada delicada para elas

Atualmente, rola uma discussão sobre o quanto as marcas ligadas aos esportes de aventura devem investir no desenvolvimento de equipamentos e produtos destinados exclusivamente às mulheres. Em janeiro, a feira Outdoor Retailer, a maior do gênero outrdoor, que acontece em Salt Lake City (EUA), empresários se reuniram para lançar estratégias para atrair mais mulheres a esportes como esqui e mountain bike. E uma das sugestões foi “por que não começar produzindo equipamentos de alta-performance exclusivos a mulheres, como é feito aos homens”.

Nesse assunto, a marca californiana de bicicletas Juliana é uma referência. Surgida em 1999, a Juliana debutou com um modelo criado para a campeã mundial Juli Furtado e, de lá para cá, só evoluiu.

Acreditando que as mulheres merecem bikes com geometrias e mecânicas particulares, a marca utiliza fibra de carbono e tecnologias como a suspensão (traseira) VPP, para deixar a bike mais leve e eficiente.

Um exemplo é a mountain bike (modelo all mountain) Roubion, modelo aro 27,5 que é assinado pela atleta Anka Martin. Quanto à bike, o intuito foi manter tudo simples e funcional, proporcionando diversão.

Para Anka, a bicicleta é mais do que um veículo de competição.

“Meu lema é apenas pedalar. Não pretendo ficar testando meu VO2 max utilizando monitores de frequência cardíaca, nem parar de beber vinho ou comer chocolate. Porque tudo isso faz parte da minha vida”, admitiu.

Veja outros modelos no site oficial da marca julianabicycles.com.

COMPARTILHAR